sexta-feira, 24 de junho de 2016

NOTA DA ASSOCIAÇÃO DOS DISTRIBUIDORES DE ÁGUA MINERAL


NOTA DE ESCLARECIMENTO SOBRE A ÁGUA DO CAMPO

         A ADAM-RS (Associação dos Distribuidores de Água Mineral do RS) vem por meio desta informar a seus distribuidores que: Mesmo a Água do Campo não tendo atendido as ligações realizadas pela entidade solicitamos que efetuem a troca da água mineral por outra marca ou devolvam o dinheiro a seus respectivos clientes. Esta também é uma recomendação do Procon.

       Também gostaríamos de informar que tal notícia pegou a todos de surpresa e como revendedores também somos vítimas dessa situação. As notícias veiculadas em todos os meios de comunicação nos entristecem e nos deixam com mais responsabilidade perante nosso público consumidor.

Fonte: Adam RS

Ante a situação salientamos que a empresa faz a troca do produto.

Água Mineral Floresta Lança Floresta ATIVA


quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Horário de Ano Novo

Caros Clientes, segue horário de atendimento do ano novo

Quinta Feira (31/12/2015)
Das 08/00 as 15:00 Horas

Sábado (02/01/2016)
Das: 08:00 as 15:00 Horas


         Feliz Ano Novo a Todos e que 2016 estejamos mais fortalecidos para melhor atendê-los.

Fones:

(51) 3228-1599
(51) 3019-5601
(51) 3019-4041
(51) 9661-1888 WhatsApp

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

FELIZ ANO NOVO

           Gostaríamos de agradecer a todos nossos amigos e clientes pelo ano de 2015 e desejamos que 2016 possamos continuar atendendo a todos com amor e dedicação.



quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Água Saudável Inova outra vez... água pelo Whatsapp



Agora na Distribuidora Água Saudável você pode economizar em ligações, podendo fazer seu pedido de reposição de Água Mineral também pelo Whatsapp.

O sistema ficará disponível das 08:30 as 18:00 e no sábado das 08:30 as 15:00 Horas
O Número é: (51) 9661-1888. Basta adicionar e fazer sua solicitação.

sábado, 19 de setembro de 2015

Quer Comodidade ? Chame pelo Whatsapp e pague com cartão



        Seu único trabalho é solicitar a Reposição da sua Água preferida, o resto é por nossa conta....
       Pague sua reposição de Água Mineral sem sair de casa, pois ACEITAMOS todas as bandeiras acima...
        E não se preocupe, aceitamos pra 30 dias sem cobrar mais por isso

       Distribuidora completa ?    Só existe essa... feita pra você....

           Peça Já pelo fone: (51) 3019-5601/3019-4041 ou pelo Whatsapp (51) 9661-1888

sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Governo reduz 10% do imposto da água mineral até dezembro na Bahia

Obs: Uma pena que é só na Bahia e não no Rio grande do Sul.

Governo reduz 10% do imposto da água mineral até dezembro

O governo vai intensificar a cassação das liminares para retirar o Selo Fiscal das empresas



A Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz-BA) reduziu a alíquota de ICMS para as empresas de água mineral do Estado. Segundo o órgão, a livre concorrência no segmento estava sendo afetada por conta de um grupo de empresas que conseguiram concessão de liminares, pela Justiça, permitindo a obtenção do Selo Fiscal, mesmo apresentando débitos inscritos em dívida ativa.

O selo foi criado para atestar regularidade no pagamento dos tributos e combater a atuação de marcas clandestinas, além de garantir que as empresas do setor atuem em igualdade de condições. De acordo com o Governo, a medida é temporária e vai durar até dezembro deste ano. Assim, ao invés de 17%, todas as empresas passarão a pagar 7% em ICMS.
ADVERTISEMENT

Ainda de acordo com o Governo, a Procuradoria Geral do Estado (PGE) vai intensificar a cassação as liminares para retirar o Selo Fiscal das empresas e restabelecer as condições necessárias para a livre concorrência.

A Vigilância Sanitária também vai atuar para fiscalizar a qualidade da água mineral comercializada na Bahia. Em maio, numa ação conjunta com o Ministério Público, a Vigilância interditou as instalações da empresa Frésca, em Dias D’Ávila, devido a questões sanitárias. Mas a interdição também foi suspensa por força de liminar.

Em nota ao CORREIO, a Frésca disse que o Decreto coagia os contribuintes ao pagamento de débitos tributários ainda em discussão, sob pena do estancamento das atividades, já que, sem o selo fiscal, a comercialização dos garrafões não é permitida.

“Nós não estamos em situação irregular, uma vez que parte dos nossos débitos existentes estão sendo devidamente negociados e, uma outra parte é alvo de discussão administrativa, valendo ressaltar que é direito do contribuinte apresentar defesas e recursos administrativos e judiciais”, defendeu Manuel Vitorino, superintendente da Frésca.

Para a empresa, o decreto viola regras básicas da Constituição Federal e, ainda, súmulas dos Tribunais Superiores a respeito do assunto. “Essa foi uma medida inconstitucional, por isso, valendo-se do nosso direito de ação, impetramos um mandado de segurança e obtivemos medida liminar garantindo a aquisição dos selos. Já houve sentença no processo, confirmando ser ilegal a sanção política imposta no decreto. O processo certamente seguirá para o Tribunal de Justiça, para cumprir a fase de recursos”, explicou Fábio Moura, advogado da Frésca. 


Fonte: Da Redação (redacao@correio24horas.com.br)